26 março 2010

Polícia vs criminalidade

Não ficava de bem comigo se não fizesse aqui um elogio público à actuação da polícia. Hoje pelas dez da manhã, no cruzamento da rua Monte dos Burgos com a rua de Santa Luzia, dois meninos bens comportados entraram em contra mão, embateram e conseguiram passar pelo primeiro carro, sendo parados pelo normal fluxo de trânsito da rua Santa Luzia. Como se não bastasse, e não fosse suficiente, fizeram inversão de marcha, com o intuito de se porem em fuga, e estavam já a preparar o embate nos veículos que lhe impediam a marcha. Pelo meio, e antes de entrarem em contra mão, por pouco não tiravam a vida a uma mãe e sua filha menor, que não teria mais do que cinco anos de idade. Valeu a desenvoltura da mãe que alertou a polícia, que em menos de dois minutos, chegou ao local, não estou a brincar, foram mesmo menos de dois minutos. Actuaram de forma firme, algemaram os dois bons cidadãos, e conseguiram evitar, com a sua rápida actuação, males maiores. Só espero que esta actuação firme, determinada, legal, e de rápida resposta face a uma anormal alteração da ordem pública tenha consequências legais. Bem sei que os tribunais estão limitados à observância da lei, que é produzida por um poder legislativo incapaz de conhecer e reconhecer o país para o qual legisla. Pelo que me resta pedir um louvor para os três agentes envolvidos na detenção dos dois cidadãos...

2 comentários:

Alice Rocha disse...

Como sempre um cidadão bem atento aos problemas da nossa sociedade.
Como lhe disse hoje visitei o seu blog, e achei-o muito interressante , principalmente com a visão do país em que vivemos e na democracia em que nos enquadramos .
Bem haja a pessoas tão sensíveis como é o seu caso.
Alice Rocha.

Tot disse...

Obrigado Alice Rocha,
se não observarmos o que esta mal no país, não num sentido negativista, mas num sentido crítico, reconstrutor, ficamos sem argumentos que sustentem que o país deveria ser melhor, pois ele existe para os cidadãos, e não o contrário...

Cumprimentos